Postagem em destaque

Lex Luthor e o que eu seria sem Jesus.

Por Nilson Pereira.  Primeiramente quero deixar claro que este texto é destinado a cristãos bíblicos e maduros que entend...

.

.

.

.

.

Nilson (Nil) Pereira

Nilson (Nil) Pereira
Um Discípulo Professor vivendo para ser Bíblico e Missional, Pastor de Família e Escritor Amador.

sexta-feira, 24 de março de 2017

Uma breve incursão em Efésios 4.





Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados,
Com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,
Procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.
Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;
Um só Senhor, uma só fé, um só batismo;
Um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos vós.
Mas a graça foi dada a cada um de nós segundo a medida do dom de Cristo.
Por isso diz:Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro,e deu dons aos homens.
Ora, isto—ele subiu—que é, senão que também antes tinha descido às partes mais baixas da terra?
Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas.
E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores,
Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;
Até que todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida da estatura completa de Cristo,
Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente.
Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo,
Do qual todo o corpo, bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o aumento do corpo, para sua edificação em amor.
E digo isto, e testifico no Senhor, para que não andeis mais como andam também os outros gentios, na vaidade da sua mente.
Entenebrecidos no entendimento, separados da vida de Deus pela ignorância que há neles, pela dureza do seu coração;
Os quais, havendo perdido todo o sentimento, se entregaram à dissolução, para com avidez cometerem toda a impureza.
Mas vós não aprendestes assim a Cristo,
Se é que o tendes ouvido, e nele fostes ensinados, como está a verdade em Jesus;
Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano;
E vos renoveis no espírito da vossa mente;
E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade.
Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros.
Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira.
Não deis lugar ao diabo.
Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tiver necessidade.
Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem.
E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção.
Toda a amargura, e ira, e cólera, e gritaria, e blasfêmia e toda a malícia sejam tiradas dentre vós,
Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.

Por Nilson Pereira.

Um dos capítulos mais importantes em minha vida da Escritura, é Efésios 4. Ele não foi apenas o primeiro capítulo no qual preguei na vida, nem tão pouco apenas um dos capítulos gravados no anel de prata que uso há anos, mas também é o capítulo no qual aprendi do Espírito Santo o que é ser e ter uma Comunidade de Fé, uma Igreja (Eclesia).

Este capítulo, assim como seu posterior (Efésios 5, no qual aprendi o que é uma família pela ótica bíblica, o que eu, como marido, devo ser e fazer), está gravado em minha mente como um dos que moldam minha trajetória em Jesus. Entendo que é um capítulo que todos nós, discípulos de Jesus, deveríamos meditar, orar e anunciar. Um capítulo cujo o Ensino das Escrituras e a Unidade Cristã são  os protagonistas máximos. Um lindo texto no qual o Senhor Jesus inspirou o apóstolo Paulo a elaborar.

Infelizmente, nem tudo envolvendo o quarto capítulo da carta do apóstolo Paulo a igreja em Éfeso é bem interpretado. O versículo 11 (contido no início deste texto), é por muitas vezes deturpado, ora por mera falta de conhecimento, ora com segundas intenções em distorcer o contexto.

Alguns pontos precisam ser explorados sobre o mesmo versículo citado anteriormente, primeiro, o todos os 4 dons ali estabelecidos por Paulo pertencem a área do ENSINO DA ÚNICA REGRA DE FÉ E PRÁTICA DE UM CRISTÃO, A BÍBLIA. Apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e mestres, todos são ofícios próprios DA EXPOSIÇÃO DIDÁTICA DAS ESCRITURAS, com o ÚNICO PROPÓSITO DE SERVIR A CRISTO E AO SEU POVO. 

Primeiro ponto que quero anlisar é que alguns teólogos interpretam como 4 o número de ministérios citados por Paulo no texto deferido, eu concordo com tal análise. Entendo pastor e mestre com um único ofício, é claramente passivo desta interpretação, tanto na Exegese quanto no contexto da construção da frase. 

Segundo, o termo ''MESTRE (DOUTOR OU PROFESSOR)`` que completa o ministério pastoral, não está ali no contexto como um ser superiormente intelectual que é mais capaz de expor as verdades bíblicas mais do que outros, e sim como ''Mentor``, alguém apto a liderança, ao discipulado, uma caracteristica da liderança que um líder cristão precisa, NÃO é ''mestre`` no SENTIDO ACADÊMICO E OCIDENTAL,  E SIM NO SENTIDO ORIENTAL DA PALAVRA, de sábio, ancião, guia, mentor. Uma exigência que um líder ou educador precisa ter no Reino de Deus. Interpreto isto com muito temor diante de Deus, a intenção é mesmo auxiliar os irmãos neste entendimento, uma vez que este é o dom no qual me enquadro. 

Alguns, ao ler tal texto, criam uma interpretação, e consequentemente um falso ensino, enxergando ali o que alguns chamam de ''ofício quíntuplo``, ou ''5 ministérios`` em vigor ainda hoje plenamente, quero deixar claro que, sou um cristão de linha teológica reformada (ou calvinista, como queiram chamar), e continuísta, embora de forma moderada, ou seja, creio que Deus pode usar os dons ainda hoje, embora não seja nem a prioridade Dele, nem o que realmente vem a importar hoje. Dito isto, quero deixar claro o seguinte, creio que APÓSTOLOS (enviado, no grego), PROFETAS E EVANGELISTAS NÃO SÃO DONS QUE VENHAM A SER EXPLORADOS POR UM ÚNICO INDIVÍDUO APENAS NOS DIAS DE HOJE, E SIM DONS QUE PASSAM A SER INCUMBÊNCIA DA IGREJA, DO CORPO, A IGREJA É APOSTÓLICA, PROFÉTICA E EVANGELÍSTICA, PORQUE O ÚNICO DOM VERDADEIRAMENTE IMPORTANTE HOJE É A BÍBLIA, E SEU ENSINO.  Ou seja, creio sim que, os 3 primeiros dons citados por Paulo, num contexto oriental e apostólico de verdade (como se deve analisar) cessaram para que um indíviduo único hoje possa usar, está na Igreja, mediante as Escrituras e sua exposição, a responsabilidade de exercer ambos os dons, não existe um indíviduo super dotado para expor as verdades bíblicas aos perdidos (ESTA É A FUNÇÃO DE TODO DISCÍPULO DE JESUS, vide MATEUS 28), ou plantar igrejas (FUNÇÃO DA IGREJA DE CRISTO NA TERRA), ou revelar algo (AS ESCRITURAS SÃO A REVELEÇÃO FINAL ATÉ QUE CRISTO VOLTE). A nossa função como cristão depois da era apostólica é simplesmente ENSINAR AS ESCRITURAS, TANTO AOS PERDIDOS, QUANTO AOS OUTROS IRMÃOS, ISTO SIM É BÍBLICO. Vivemos sobre a doutrina dos apóstolos (o cânone bíblico), conforme dito em Atos capítulo 2, até a volta do nosso Cristo. 

Me entristece muito saber que há igrejas inteiras que se baseiam neste único verso isolado deste capítulo tão profundo e belo, e mais ainda saber que eu mesmo já o enxerguei da forma errada, fora de contexto. E o pior, a famigerada tese de ensino da mão, para tentar explicar atribuições deste verso (que nem vou replicar aqui). Enfim, gostaria de deixar o link de um texto excelente do reverendo Angus Stewart, contido no site Monergismo sobre o tema, peço por favor que você invista tempo lendo tal texto esclarecedor:

http://www.monergismo.com/textos/dons_espirituais/apostolos-profetas-evang_angus-stewart.pdf

O reverendo Augustus Nicodemus tem a melhor exposição sobre o tema que já ouvi. Segue o link: 

https://www.youtube.com/watch?v=56iJ8H1nCsQ

Que Deus tenha misericórdia de nós, e siga nos abençoando com o verdadeiro ensino das Suas Escrituras.





Verdadeiro Cristianismo:

Verdadeiro Cristianismo: