Postagem em destaque

Lex Luthor e o que eu seria sem Jesus.

Por Nilson Pereira.  Primeiramente quero deixar claro que este texto é destinado a cristãos bíblicos e maduros que entend...

.

.

.

.

.

Nilson de O. P. Pereira

Nilson de O. P. Pereira
Um Cristão vivendo para ser Bíblico, Missional, Pastor de Família e Professor Reformado nas Relações.

Verdadeiro Cristianismo:

Verdadeiro Cristianismo:

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Sal da Terra e Luz do mundo?

Por Nilson Pereira.

No inicio de Romanos 12, o apóstolo Paulo profere as palavras que teólogos como João Calvino disseram ser o resumo da prática na fé cristã. 

O auge do texto está num conselho de Paulo a todos nós cristãos sobre não se conformar com o presente século, algumas traduções usam a palavra ''mundo'', mas renovamos nossas mentes para experimentarmos qual é a boa perfeita e agradável vontade do Altíssimo. 

Hoje, ao me observar, observar alguns irmãos em Cristo, e lembrar de uma citação do reverendo Augustus Nicodemus sobre o texto citado, eu refleti bastante, lamentei, postei em rede social, e me senti indignado com a morte do cinegrafista da TV Bandeirantes, atacado por um rojão disparado por um tatuador ligado ao grupo ''Black Blocs'' ao cobrir uma manifestação contra o aumento das passagens de ônibus aqui no Rio.

Talvez alguns possam estar perguntando agora: você não é um cristão? Este blog não é para falar de assuntos cristãos? O que um acontecimento político e social tem a ver com seu blog? 

Respondo: tem tudo. Como cristão, tudo que acontece ao meu redor tem a ver comigo. Seja histórico, religioso, econômico, social ou político. Absolutamente tudo tem a ver com um discípulo de Cristo. 

As reações da Igreja a acontecimentos como estes tem me deixado extremamente preocupado. Até porque, sejamos francos, coisas ainda mais inescrupulosas e lastimáveis acontecem ao nosso lado todos os dias. E o que fazemos como cristãos? Absolutamente nada. Estamos longes de ser como Daniel, que enfrentou o sistema secular de sua época por amor a Deus, ou como Jeremias e João Batista, cujo um foi serrado ao meio, e o outro decapitado, por serem vozes do Altíssimo a líderes e sociedade extremamente corrupta, sobretudo na pior forma de corrupção que existe, a espiritual. 

Nós, ou tomamos partidos por sistemas, como o socialismo e  capitalismo, uma vez que entendo ser bíblico ser apenas cristão, e nada mais,  ou simplesmente somos omissos, pomos apenas nossas Bíblias debaixo do braço e mal sabemos usá-las. Tenho estado muito preocupado se somos e temos sido sal da Terra e luz do mundo de fato. E se não somos nenhuma coisa nem outra, não temos sido cristãos, nem Igreja de Cristo, nem nada. Estamos nos enganando, mas não estamos enganando ao Deus Altíssimo. 

Como bem disse o Nicodemus no sermão que citei, nos conformamos com este século, sobretudo, como carioca, no que diz respeito a violência, uma vez que a violência é para nós natural hoje em dia, nem se quer oramos ao ouvir um tiroteio ou algo do tipo, e estamos cada dia mais longe de experimentar a boa, perfeita e agradável vontade do Pai. 

Que Jesus tenha misericórdia de nós, que nos faça perceber um dos maiores pilares do Evangelho, de que a Igreja do Senhor tem sim, biblicamente, responsabilidade com a sociedade na qual ela está inserida. João 17 é talvez o mais importante texto bíblico que determina isto. 

Deus nos abençoe. 

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Cristianismo prático, uma reflexão sobre Romanos 12 em minha vida.



Por Nilson Pereira. 

Eu sou um escravo de Cristo. Nasci para serví-Lo dentro do que Ele mesmo me criou para ser. Com os dons que tenho (meus amigos sabem que eu sempre digo que são muito poucos mas que cuido deles direito, rs), afinal, não há nada que me faça feliz, a não ser me achar dentro das Escrituras Sagradas e ser o que encontrei. Hoje eu acordei me recordando de um sonho que testificou o que o Altíssimo sempre me disse através de Sua Palavra (é por essas e outras que eu não tenho como ser um cessacionista). Um sonho que a irmã Alda, membra da primeira Igreja que eu congreguei na vida( a Igreja Evangélica Congregacional de Bento Ribeiro, aqui no Rio), me via ensinando e encorajando outros cristãos a subirem uma favela carioca. Na verdade, eu mesmo já havia sonhado com algo parecido, e minha amiga, Priscila, também. 

Tenho seguido um plano de leitura bíblica (algo que recomendo para todo cristão fazer) e nele, li recentemente o capítulo 12 da Carta do apóstolo Paulo aos Romanos, texto este que João Calvino disse tratar-se de o resumo da vida cristã. E como ler as Escrituras é sempre uma novidade (pois o tempo que passamos na nossa vida se adaptam a Ela, portanto, um único texto, por mais que decorado nunca terá a mesma mensagem e efeito em sua vida), quero destacar tal trecho do capítulo citado:

Romanos 12:1-21


Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.


E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.

Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, 

Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros.
De modo que, tendo diferentes dons, segundo a graça que nos é dada, se é profecia, seja ela segundo a medida da fé; Se é ministério, seja em ministrar; se é ensinar, haja dedicação ao ensino;
Ou o que exorta, use esse dom em exortar; o que reparte, faça-o com liberalidade; o que preside, com cuidado; o que exercita misericórdia, com alegria. O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem. 
Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor;
Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração;
Comunicai com os santos nas suas necessidades, segui a hospitalidade;
Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis.
Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram;
Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos;
A ninguém torneis mal por mal; procurai as coisas honestas, perante todos os homens.
Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens.
Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor.
Portanto, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas de fogo sobre a sua cabeça.
Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem.


Baseado no livro canônico de Romanos, somado a todas as testificações de Deus em Cristo Jesus na minha vida, não há nada que me faça ser feliz a não ser cumprir o chamado de Deus para mim. O Senhor me chamou para o ensino das Escrituras, para encorajar a prática da vida cristã aos meus irmãos, para destrancar ministérios cristãos de pastorear e de missões. Rogo aos irmãos que orem bastante  pela minha vida, desde minha conversão, sempre há uma comunidade no meu caminho em Cristo (para a glória do Senhor), hoje, congregando na Igreja Presbiteriana da Chatuba, nascendo e vivendo na cidade que reune o maior número de favelas do mundo, o Rio de Janeiro, é impossível ter um dom, seja ele qual for (no meu caso o de ensino), sem ler, entender e aplicar o que o apóstolo Paulo ensina na sua epístola atrelando a realidade social e espiritual que cerca todo cristão carioca. 




Que o Senhor te faça encontrar seu lugar em Cristo neste capítulo também, pois o Cristianismo se retroalimenta na missão de Deus para sua vida. Fomos chamados para ser sal e luz (Mateus 5:13-14), e somos todos árvores ligados a Cristo, que é nossa raiz, e Ele mesmo testifica das árvores que não dão bom frutos serão lançadas na fogueira, porque só servem para ser lenha (Mateus 7:16-20).

Vivemos em um país cujo a necessidade de aplicar toda a Teologia que aprendemos, todo o Cristianismo teórico que vivemos, é gritante. As favelas do Rio, as cracolândias de São Paulo, as comunidades ribeirinhas do Amazonas, as caatingas do Nordeste, e tantas outras mazelas brasileiras, gritam pela nossa manifestação, os escolhidos do nosso Deus precisam ouvir Sua Palavra (Romanos 8:19). Por favor meus irmãos, que o Senhor os localize nas Escrituras, para Sua Glória. 


Sejamos verdadeiramente felizes, e felicidade só há em Cristo, nas palavras de Davi no Salmo 32, onde feliz é o homem cujo os pecados são esquecidos pelo Deus Altíssimo. Deixo-vos porém, um dos textos mais importantes das Escrituras, contido também no livro de Romanos, rogando ao Senhor que todos nós, chamados e escolhidos por Ele (Mateus 22:14), viva intensamente tal texto, uma vez que, acima de tudo, isso é ser cristão, nova criatura, filho do Altíssimo, escravo de Cristo Jesus:


E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.
Porque os que dantes conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos;
e aos que predestinou, a estes também chamou; e aos que chamou, a estes também justificou; e aos que justificou, a estes também glorificou.



O cristão que acha seu papel na Bíblia, não perde tempo com nada que é carnal, com contendas, fofocas, pecados, com tudo que antes da escolha de Cristo, escravizava a espécie humana. 

Deus nos abençoe e nos guarde. 








Sola Scriptura!

Sola Scriptura!